Gleisi Hoffmann é absolvida no STF por Lavagem de dinheiro e corrupção ativa

20.06.2018

 

"Suprimidos os depoimentos dos colaboradores, restam apenas elementos indiciais. Não foi possível verificar elementos suficientes para juízo condenatório". – Dias Toffoli

 

Supremo tribunal Federal absolve a Senadora Gleisi Hoffmann e seu marido Paulo Bernardo de corrupção ativa, lavagem de dinheiro e caixa 2. Foi absolvido também o empresário Ernesto Kugler Rodrigues, apontado como emissário do casal no recebimento do dinheiro.

Gleisi Hoffmann foi absolvida integralmente pelos juízes DiasToffoli, Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes que não acompanharam o relator Edson Fachin e Celso de Mello que condenaram a senadora por crime de caixa 2 eleitoral. 

A Procuradoria-Geral da República poderá recorrer da decisão da 2ª turma do STF. 

Gleisi e Paulo Bernardo ainda tem mais dois inquéritos ligados à Operação Lava-Jato. 

"Também acolhendo a manifestação do relator, entendo que não estão presentes todos os elementos necessários à configuração típica do crime de corrupção passiva", disse Celso de Mello.

"Estamos diante de ação penal única e exclusivamente lastreada nas palavras confusas e contraditórias de colaboradores". – Defesa

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2018 © Todos os direitos reservados