Buscar

Com DNA do Congresso, Câmara atualiza tabela do Imposto de Renda


Com total DNA do Congresso Nacional o deputado Luis Miranda protocola o PL nº 3.129/2019 que ajusta as alíquotas de cobrança do Imposto de Renda para consumidores e empresas e institui a tributação sobre lucros e dividendos.

Isso significa mais rombo no bolso do assalariado que já está com grandes dificuldades de aquisição, pois muitos, estão até desempregados.

O projeto prevê a taxação de 20% sobre os dividendos, o lucro líquido distribuído para acionistas. Desta forma, se transmite a autonomia do Congresso Nacional frente ao governo.

A articulação do projeto é do presidente da Casa, Rodrigo Maia. Ontem foi promovido na residência oficial da Casa, um jantar para discutir a reforma tributária em todas as vertentes, onde a FPA (Frente Parlamentar da Agropecuária foi um dos focos.

Caso seja aprovado, mais uma vez estaremos assistindo a ampliação da arrecadação de tributos no país que já é um campeão neste quesito em todo o mundo. "Atualmente em 27,5% das demais faixas de renda, apenas a banda entre R$ 9.980,00 e R$ 33.932 permanecerá com a taxa atual. O Imposto de Renda sobre as empresas será reduzido, na prática. Segundo deputados, o projeto de lei amplia o poder de compra das famílias e possibilita às companhias a investirem mais. Será?

Hoje, existe um grupo de trabalho responsável por subsidiar estudos sobre o combate à sonegação fiscal, estimada hoje em R$ 500 bilhões.


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados