Buscar

Zé Roberto está com um pepino grande para resolver "nãos"


O técnico da seleção Brasileira de Vôlei, José Roberto Guimarães, está em uma sinuca de bico. O técnico campeão olímpico tomou um grande susto como todo o brasileiro que acompanha o vôlei no Brasil. Várias atletas que compõe a seleção brasileira, ou através das redes sociais, ou através de comunicado oficial pediram dispensa da seleção por problemas particulares. Dani Lins, Gabi Cândido, Camila Brait, Thaísa, Adenízia e Tássia estão fora da seleção pré-olímpica. Elas disseram não a convocação de Guimarães. Não se sabe ainda se por motivos legítimos ou por boicote, mas por quê?

Sem Sheila, Fernanda Garay, Fabi e Fabiana a seleção fica debilitada para uma disputa de medalha em Tóquio. Há muitos problemas para substituir atletas à altura dessas já consagradas e campeãs olímpicas. Será porque José Roberto fez escolhas arriscadas no passado que lhe rendeu apenas um sétimo lugar no mundial? O que fazer em ano pré-olímpico? Camila Brait está na sua melhor forma, porque negou a seleção brasileira? Será porque ela foi cortada às vésperas dos jogos no Rio de Janeiro, como aconteceu em 2012 em Londres? Camila diz que não quer mais jogar pela seleção! Assim como ela, outras atletas também se negam a jogar pela seleção. Para Sheila, em uma entrevista ao jornalista Daniel Bortoletto, diz que: "Essa geração mais nova, isso não estou falando no vôlei apenas, estou falando na vida, não tem objetivos muito claros na cabeça, como a nossa geração sempre teve. E não é só no vôlei. Se está bem na profissão, se não está, se vai sair, procurar outros caminhos... Não tem muita paciência, não tem muita resiliência para persistir e continuar".

Mas não é o caso, elas já são consagradas, e são atletas que estiveram na seleção por um bom tempo. Certo que algumas foram cortadas no passado, mas tudo tem seu tempo! É uma falta de comprometimento não só com o esporte, mas com o povo brasileiro e a seleção. Viver na pressão, é natural para todo atleta, seja em que esporte for. É natural que todo atleta para que venha sobressair, viva na pressão. Não há glórias sem esforço! Cobranças existem em todo momento da vida, seja em que situação for. Negar a seleção às vésperas de uma Olimpíada não fica bem e pode ser um risco para a eternidade.

35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados