Buscar

"Minha prisão é o troféu da Lava Jato" (Luís Inácio)


Lula afirma em interrogatório que sua prisão é o troféu da lava jato. O interrogatório que terminou às 17:40 do dia 14, Lula afirma que sua prisão é o troféu da lava jato. O interrogatório refere-se ao sítio de Atibaia. A juíza Gabrila Hardt ouviu o ex- presidente em Curitiba na sede da Polícia Federal por aproximadamente duas horas meia. Ela substitui o juiz Sérgio Moro que irá assumir o Ministério da Justiça no governo de Jair Bolsonaro. Como sempre, o ex-presidente negou qualquer participação ou conhecimento em relação às obras do sítio de Atibaia. “Eu era um troféu que a lava jato precisava entregar”. Eu via pela imprensa vários jornalistas dizendo que “senão entregar o Lula não vale, se o Lula não for preso não vale”. O ex-presidente tem sempre a mesma história “Eu não sabia de nada”. Assim foi no mensalão, no triplex e agora no sítio de Atibaia. Lula disse constrangido. “Agora, é desmentir as mentiras contadas a seu respeito”. Quem será o mentiroso? Ele ou o restante dos depoentes que o incriminam? Mesmo preso há sete meses, Lula insiste em dizer que é inocente. Que não há provas contra ele. O seu discurso é um só. Ele é o centro das atenções que tem que ser punido para que haja um resultado favorável da justiça e da política brasileira. Se Lula fosse inocente, Fernando Haddad teria vencido as eleições.


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados