Buscar

Funcionário da Latam envolvido em vídeo machista na Rússia foi demitido


A Latam demitiu nesta quarta-feira o funcionário Felipe Wilson, envolvido em um vídeo machista com russas durante a Copa do Mundo.


Felipe incentivava mulheres russas pedindo que repetissem os que eles falavam como se estivesse ensinando a elas algo interessante. Na verdade, as palavras eram de baixo calão e mal intencionadas.

Felipe trabalhava na Latam Linhas Aéreas que incomodada com a situação deu a seguinte declaração:“A LATAM Airlines Brasil repudia veementemente qualquer tipo de ofensa ou prática discriminatória e reforça que qualquer opinião que contrarie o respeito não reflete os valores e os princípios da empresa. A partir deste pressuposto a empresa acredita que tomou as medidas cabíveis, conforme seu código de ética e conduta". escreveu.

Os brasileiros envolvidos em vídeos como esse, podem responder criminalmente na Rússia, informa jurista local.