Buscar

Cruzeiro vence Racing no Mineirão e fecha 1ª fase na liderança de seu grupo na Libertadores


O Cruzeiro venceu o Racing da Argentina por 2 x 1 pela Libertadores 2018, e fechou a primeira fase da competição em primeiro lugar do seu grupo.

No começo, o Cruzeiro parecia que iria aplicar uma goleada no time argentino, pois partiu para cima, fechou os espaço e numa marcação à frente, levou o tive celeste a fazer dois gols com menos de minutos de jogo. Precionando até os 20 minutos do primeiro tempo.

A partir daí o Racing adiantou seus laterais e o Cruzeiro recuou tomando um sufoco até o fim do primeiro tempo. O Racing fez o seu gol no final do primeiro tempo com Centurion.

No segundo tempo, o Cruzeiro tentou se impor, mas o Racing não deixou, impondo seu futebol, parecia que estava jogando em Buenos Aires.

A novidade foi a volta de Thiago Neves ao time celeste, e para comemorar, fez o primeiro gol do Cruzeiro aos 2 minutos de jogo numa jogada de Sassá pela direita a bola sobrou na área e Thiago não perdoou.

Fechando bem os espaços Lucas Silva, cada dia mais titular, roubou a bola na intermediária e fintou o defensor argentino mandando uma pedrada rasteira, fazendo 2 a 0 para o Cruzeiro. Este foi o primeiro gol de Lucas Silva na equipe celeste desde que veio do Real Madrid.

Numa bobeira cruzeirense, Centurion marcou aos 27 minutos sem marcação. E o time celeste tomou um sufuco até o final do primeiro tempo. Arrascaeta e Sassá perderam dois gols sem marcação, sendo, em uma delas, Arrascaeta e o goleiro Juan Musso. O Racing ainda colocou uma bola na trave e por muito pouco não empatou o jogo ainda no primeiro tempo.

O Cruzeiro jogou 20 minutos, o necessário para ganhar o jogo, perdeu vários gols em contra-ataques. Venceu, mas não convenceu. O Racing mandou no jogo após os 20 minutos do primeiro tempo. O segundo tempo não foi diferente, parecia que estava jogando em casa. Mas, no futebol o que manda é bola na rede, o time mineiro venceu e classificou-se em primeiro da sua chave, o que lhe dá o direito de fazer o segundo jogo das oitavas de final, no Mineirão.

Ficha Técnica:

Cruzeiro : Fábio, Lucas Romero, Dedé, Léo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Robinho (Bruno SIlva), Thiago neves (Rafael Sobis) e Arrascaeta; Sassá (Raniel). Técnico: Mano Menezes

Racing: Juan Musso, Ivan Pilud, Miguel Barbieri (Lucas Orban); Alejandro Donati, Alexis Soto, Diego Gonzalez; Augusto Solaris (Mathias Zaracho), Neri Cardozo (Brian Mansilla) e Ricardo Centurion; Lisandro Lopes e Lautaro Matínez. Técnico: Eduardo Coudet

Gols: Thiago Neves 2' (1), Lucas Silva 10' (1) - Cruzeiro.

Centurion 27' (1) - Racing

Árbitro: Andrés Rojas - Colômbia

Assistentes: Alexander Gusman e Eduardo Dias - Colômbia

Público: 43.276


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados