Buscar

Perito não vê falha mecânica em Lancha que matou 2 em Angra dos Reis


Segundo a perícia da polícia civil de Angra dos Reis, foi feita mais uma perícia para avaliar às declarações do condutor da lancha João Thiago Magalhães, que afirma que a lancha estava com problemas na aceleração. As investigações continuam e segundo o perito, não há problemas de aceleração na embarcação e o condutor deve ser chamado novamente para depor. O acidente aconteceu na sexta-feira e aconteceram dois óbitos com o desgoverno da lancha para cima dos banhistas. Além das mortes, há varias pessoas feridas.

"Juridicamente não há qualquer modificação. Nós continuamos tendo homicídio culposo, lesão corporal culposa, mas esse laudo pericial nos dá certeza que de fato houve uma imperícia por parte do condutor, e não um acidente, uma eventualidade", explicou o delegado.

Thiago pagou fiança de R$ 2 mil e vai responder em liberdade. Seu advogado afirma que ele é tão vítima quanto os turistas, porque ele estava em uma lancha com falhas mecânicas. O laudo deve sair ainda durante esta semana. O proprietário da embarcação não deu entrevistas.


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados