Buscar

Tiririca anuncia o fim da vida pública e diz que o mecanismo do Congresso é louco


Dono de mais de 1 milhão de votos nas duas eleições para deputado federal o humorista conhecido dos brasileiros Tiririca, anunciou ontem que não irá mais concorrer ao cargo nas próximas eleições e chama a atenção dos parlamentares para que sejam mais responsáveis.

"Essa é a minha primeira e última vez que falo nessa tribuna e será a última. Estou abandonando a vida pública. Quero falar um pouco do que vi aqui e pedir aos nossos colegas. Vamos esquecer um pouco as brigas e um pouco o ego e vamos olhar para o nosso povo. O povo que eu falo é aquele que necessita de saúde'.

"Nós ganhamos bem para trabalhar, mas nem todos trabalham. Sabemos bem disso. São 513 deputados, mas nem todos trabalham'.

"Nunca brinquei aqui dentro, sou um palhaço aqui. Mas saio triste com a nossa política, com o nosso Parlamento, eu como artista popular que sou e político que estou, estou saindo chateado. Não com os meus sete anos na política. Não fiz muita coisa coisa, mas fiz o que sou pago para fazer aqui. Fui votado em São Paulo, não tenho base, mas na cidade que tive dez votos, mando emendas para lá. Então, saiu de cabeça erguida. Muitos de vocês não sabem o que é passar fome, muitos de vocês não sabem o que é precisar de um hospital público". É triste seu filho adoecer e precisar de um hospital público, e se vocês olharem o país por aí, e assistir o povo pedindo um prato de comida e não ter de onde tirar, é triste!".

"Eu saio daqui com vergonha do Parlamento. Não vou generalizar, não são todos, tem gente boa aqui dentro como qualquer outra profissão. Mas gostaria de fazer um pedido. Vamos olhar mais para o nosso povo, vamos olhar mais para a nossa saúde".

"Jamais vou falar mal de vocês em qualquer canto que eu chegar e jamais vou falar tudo que eu vi e vivi aqui. Mas, seria hipócrita se eu saísse daqui e não falasse que estou decepcionado. Decepcionado com a política brasileira e com muitos de vocês, muitos". Aprendi muito com muitos veteranos, sofri preconceito. Ontem, mesmo, chegou um colega (colega não), pensei que ele fosse me agredir e depois fui levantar a ficha dele, o cara tá mais sujo do que pau de galinheiro. Tem mais de cinco processos por desvio de dinheiro público".

"Eu ando nos aeroportos do Brasil de cabeça erguida e muitos de vocês não tem essa coragem, andam até mesmo disfarçados e de dizer que é parlamentar, porque é uma vergonha, vergonhoso. Não estou generalizando não. Tem muita gente boa aqui. Mas não dá para fazer muita coisa, porque a mecânica daqui é louca. Costumo dizer que o parlamentar trabalha muito e produz pouco. A gente é bem pago. Tiramos 23.000 livre, temos apartamento, carro (eu uso o meu carro), não preciso do carro da Câmara. Eu ando de cabeça erguida, mas já vi deputado se escondendo".

Titirica pela primeira vez usou a tribuna do Congresso nacional. E falou o que a maioria dos deputados precisavam ouvir. Por quê falou? Porque não tem rabo preso com ninguém. Humildemente, ele falou das necessidades do povo brasileiro, da falta de respeito dos parlamentares com o povo brasileiro. Pediu a eles que tivessem um pouco mais de respeito pelo povo, pela nação. Não apontou o dedo para um ou para outro, mas a consciência de cada um o condena. Não é preciso apagar a luz. Ao fechar os olhos, cada um sabe dos seus atos, cada um tem convicção dos anseios da nação e do que estão realizando dentro do parlamento, sendo ele, um representante do povo. Tiririca falou na tribuna o que a maioria dos deputados brasileiros precisavam ouvir. Uma pena que o parlamento não estivesse completo. Mas, foi uma aula de sinceridade, humildade, honestidade e de um verdadeiro sentimento pela nação brasileira. Mostrando para o povo brasileiro que o Brasil precisa ser melhor representado, pois estamos muito mal representados pela maioria dos que lá estão. Tiririca não tem estudo, vem de uma família humilde, não sabe falar corretamente, mas sabe sim, ser representante da nação. Ocupa seu cargo, se preocupando e trabalhando para aqueles que realmente necessitam de um parlamentar honesto. Muitos são graduados, doutorados, curso superior e assim por diante. De que adianta tudo isso, se o objetivo não é trabalhar para o povo?


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados