Buscar

Adriana Ancelmo volta para prisão sob gritos de pilantra


A 1ª Seção Especializada do TRF-2 determinou o retorno de Adriana para uma unidade prisional. essa determinação já tinha sido feita em abril, mas como a decisão não foi unânime a defesa recorreu.

Adriana foi levada pela política federal para a Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, lá também, estão os presos acusados de fazer parte de uma organização criminosa chefiada por Cabral.

Pela idade dos filhos do casal Cabral e Adriana presos pela Operação Calicute em 2016, ela condenada a 18 anos de reclusão por associação criminosa e lavagem de dinheiro, a justiça determinou que as crianças não poderiam ficar sem um dos dois e determinou a prisão domiciliar de Adriana.

Ancelmo saiu de seu apartamento sob gritos da população "pilantra".

Renato Moraes, advogado da ex-primeira dama, disse que ela não oferece risco a população e que entrará com recurso nos Tribunais em Brasília para reverter essa situação.


35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados