Buscar

Lula, Dilma e Mercadante são acusados pela PF de obstrução de Justiça


Relatório da Polícia Federal enviado ao Supremo Tribunal Federal, Lula, Dilma Rousseff e Aloísio Mercadante, são acusados de obstrução de Justiça na operação Lava-Jato. A Polícia Federal, afirma que Lula e Dilma, tentaram retardar às investigações na operação Lava-Jato, quando a ex-presidente tentou nomeá-lo para o Ministério da Casa Civil. Esta atitude, resultaria em foro privilegiado e a transferência do processo para Brasília no STF.

O relatório foi enviado ao Ministro Edson Fachin, relator da operação Lava-Jato. Lula e Dilma não tem mais direito a foro privilegiado. Mercadante é acusado pelo delegado pela Polícia Federal por tráfego de influência que envolve o ex-senador, Delcídio do Amaral de um acordo de delação que teria tentado negociar com a Procuradoria Geral da República.

Edison Fachin, deverá solicitar a Rodrigo Janot uma avaliação. Ou seja, ele é que vai decidir. Defere ou não o a acusação.