Buscar

Fidel Castro, esse jamais irá deixar saudade!!!


O mundo, com certeza, estará melhor a partir de sua morte. Um homem que colocou a frente de tudo, a força bruta e a morte. Ofuscou seu povo, assassinou e prendeu seus opositores. Deixou seu País afundado em um caos total, desligado do restante do mundo, sem comunicação, sem emprego e sem liberdade de expressão. A ganância pelo poder o levou a fobia. Era o comandante que no fundo tinha medo do resto do mundo, principalmente dos americanos.


Durante o período em que Cuba foi fomentada pela extinta União Soviética, Fidel, a ferro e fogo, comandava seu País. Só não esperava que tudo isso viria a se ruir. Esse fomento, a troco de nada, gerava uma mordomia de poder.


Engrossando a voz batia no peito e dizia: Aqui eu mando, aqui eu faço, enfim, aqui eu mato.


Fidel, jamais poderá ser lembrado como um comandante e como um líder. Somente como guerrilheiro.


Fidel, adoeceu e caiu no marasmo. Cuba ficou na pobreza, sem dinheiro e sem uma causa. Qual o legado deixado por um cidadão com estes princípios? Tirou o povo da ditadura, mas não deu a ele liberdade. Acabou com a imprensa e com o livre arbítrio da sociedade.


Saiu de cena em 2008, transferindo ao seu irmão, Raul Castro, o poder.