Buscar

Polícia Federal indicia Palocci, Odebrecht, João Santana e Mônica Moura por corrupção!!!


A Força-tarefa da Polícia Federal aponta que, entre 2008 e o final de 2013, foram pagos mais de R$128 milhões ao PT e seus agentes, incluindo o ex-ministro Palocci. O Ex-ministro foi indiciado por corrupção passiva, tendo sido preso no dia 26 de setembro.


Além de Palocci, foram enquadrados, o seu assessor Branislav Kontic e o casal de marqueteiros do PT, João Santana e Mônica Moura, o empreiteiro Marcelo Odebrecht e Juscelino Dourado, ligado ao ex-ministro da Fazenda.


A Polícia Federal liga Palocci à planilha «Italiano», proveniente do setor de Operações Estruturadas, a área secreta de propinas da empreiteira. Segundo a Ormetá, «Italiano» é o próprio Palocci.

Indiciados também, Juscelino Antônio Dourado e Branislav Kontic como incurso nas penas do crime previsto no artigo 317, do Código Penal. João Cerqueira de Santana Filho como incurso nas penas do crime previsto no artigo 1 º da Lei n º 9.613/1998 e Mônica Regina Cunha Moura como incursa nas penas do crime prevista no artigo 1º da lei nº 9.613/1998.


Além dos citados acima, consta Marcelo Bahia Odebrecht incurso nas pernas do crime previsto no artigo 333 do Código Penal em concurso material. Ou seja, se não houver uma boa delação premiada, ficarão por 20 anos na cadeia.

35 3221-0556      Varginha - MG
O Debate - 2020 © Todos os direitos reservados